Populares Mês

"O país do faz do conta", por Gil Lopes


Como estava prometido e já está a ser cumprido, o ritmo abrandou, estarei aqui sempre que achar necessário, mas os posts diários ou quase, que foram a prática durante mais de 11 anos, é coisa do passado. Assim, para além daquilo que for publicando e também da continuidade do Felisberto - alô, Felisberto, nem telemóvel, nem e-mail, logo que possas... -, a partir de agora também o Gil Lopes vai fazer uma perninha e mandar uns bitaites - o meu obrigado ao Gil Lopes. E já está aí o primeiro.

"O país do faz de conta".
Amigos portistas, aceitei o convite que muito me honra do Manuel Vila Pouca, e espero com os meus Posts conseguir contribuir com o engrandecer da força que nos une, que são as Vitórias do F.C.PORTO. Vivemos em vários sectores de atividade num país do faz de conta.
Existem "n" situações na política que são deploráveis, e num país onde a moral fosse um barómetro, muitos políticos (e muitos outros a eles associados) estariam a prestar contas á justiça e seriam certamente punidos, assim são mais os processos que se arrastam ao longo de anos nos tribunais, sem que a justiça se cumpra.

Porque trago este assunto?
Porque no topo da "hierarquia" do estado é onde deveria existir uma maior Honra em servir o país e assim passar um exemplo para outros sectores de atividade, sectores vários onde obviamente se inclui o futebol.
E aqui chegados, verificamos que existe um clube que está acima do poder político e do poder judicial, só isso justifica que após terem sido acusados de vários crimes continuem todos de uma forma tranquila a assobiar para o lado.
E são tantos os processos que corro o risco de me esquecer de algum:
O processo desencadeado pelos E-mails com início em junho de 2017; A Operação Lex (onde um Juiz desembargador é visado na investigação); Seguido do processo E-toupeira (com um funcionário judicial detido); Suspeitas de lavagem de dinheiro na Benfica SAD (quando uma empresa não consegue detetar a saída de 2 milhões das suas contas); Operação Mala Ciao (o caso do Aliciamento de jogos comprados pelo clube do regime durante a Época passada).

Juntando a estes processos na justiça, existem situações bastante estranhas, como por exemplo, gostava de saber o que impede o IPDJ de colocar as claques do clube do regime no seu devido lugar e declara-las ilegais á luz dos regulamentos vigentes, impedindo dessa forma que as mesmas possam frequentar as instalações do clube e de receber apoio do clube.
Outro exemplo foi a forma como surgiu o grupo G15, todos sabemos que o Salvador é apenas mais um peão, e que ao chefiar o grupo dos restantes 15 clubes para que votassem a favor sempre do mesmo isso iria condicionar as normas e regras que se tentam implementar na Liga para que se melhore e se corrija o que está errado, desta forma o clube do regime continua a controlar as suas marionetas a seu belo prazer.

Também na FPF e no conselho de arbitragem e de justiça se passam situações menos claras, como a já falada passagem do arbitro Bruno Paixão do terreno para o VAR, este que foi desde há 2 dezenas de anos um péssimo arbitro com os mais variados clubes a terem queixas dele, mas como é que agora ainda o promovem para o VAR?
Assim, existem também aqui, no futebol, "n" situações que colocam o clube do regime em cheque, com a sua forma de controlar tudo e todos, e nesta vontade de controlo, fica claro que muitas vezes passaram o risco e que cometeram crimes de forma a facilitarem as suas conquistas dos últimos 4 títulos, pelo menos estes.
É tal a promiscuidade entre alguns órgãos de soberania e o clube do regime, que só quem anda distraído pode pensar que o poder político não faz pressão junto do poder judicial para que não aconteça nada ao seu querido clube...
É o tal país do faz de conta, que prefere esconder o que está mal em vez de o confrontar e tentar punir quem prevarica.
Se fosse um outro qualquer clube a ser acusado destes crimes, por esta altura na comunicação social já existiriam pedidos públicos para descida de divisão ou que o clube fosse punido justamente tanto na justiça civil como na desportiva.
E o que faz a comunicação social deste país, ou melhor, de Lisboa?
Em alguns casos uma reportagem de 1, 2 minutos na TV, ou uma pequena crónica num jornal, mas sem o realce que corresponda ao real prejuízo que as práticas destes crimes sugerem, e mesmo na comunicação social generalista quantos debates foram feitos sobre estes temas?
Nunca interessa realmente a estes órgãos divulgar muita informação negativa sobre o clube do regime, pergunto eu, do que têm medo, repito, do que têm medo para não fazerem uma investigação jornalística a sério sobre todos estes casos?
E em alguns casos, principalmente na comunicação social desportiva onde esta passa uma esponja por cima destes casos, fingindo que os mesmos não aconteceram, fazendo todo o possível para que o assunto passe despercebido, nem que para isso tenham passado os últimos 2 meses a desfazer no Sporting.
E isto apenas acontece porque o clube do regime tem realmente um controlo sobre muitos órgãos da comunicação social em Portugal, (melhor dizendo, em Lisboa).
E assim, como diz um velho ditado, enquanto o pau vai e vem, folgam as costas...
Já no estrangeiro todos os assuntos que tentam encobrir por cá foram amplamente noticiados lá fora, talvez porque o jugo do clube do regime não os abrange.

Por fim, sabemos todos que o nosso titulo o ano passado foi conquistado a ferros, com um espírito de enorme perseverança, crença e companheirismo que era latente dentro de campo..., se este ano conseguirmos voltar a alcançar esse espírito, estaremos com uma parte do caminho feito, mas isso pode não ser suficiente, vamos ter de continuar a combater os tentáculos do polvo que este ano vai fazer de tudo fora do campo para recuperar o titulo que brilhantemente o F.C.PORTO conquistou dentro do campo.
Portanto, apenas mantendo um espírito de união (ainda que critico QB em alguns casos) entre a Equipa e os adeptos através do Mar Azul, e assim dessa forma, conseguiremos com uma grande probabilidade de sucesso atingir o Bicampeonato, mas temos de nos manter unidos em prol de um bem comum...

PS - O MST está de férias...

Boa-sorte e felicidades, Gonçalo Paciência!


Depois de ter jogado na equipa B, sido emprestado várias vezes, Gonçalo Paciência teve uma primeira metade da época anterior em grande estilo ao serviço do Vitória F.C., com o ponto mais alto a acontecer na final-four da Taça da Liga, onde brilhou a grande altura. O F.C.Porto estava atento, promoveu o seu regresso ao Dragão, Gonçalo foi utilizado - titular no importante jogo e vitória frente ao Sporting -, ajudou a conquistar o título que fugia há quatro anos, festejou exuberantemente, como deve festejar um portista apaixonado. Mas não conseguiu manter o rendimento mostrado em Setúbal e como tinha poucas hipóteses de ser utilizado com a frequência que desejava em 2018/2019, deixa o F.C.Porto e vai para o Eintracht Frankfurt. Há um momento em que de um lado e outro, se têm de fazer opções, tomar decisões. Foi o que o aconteceu, quanto a mim, bem
Que tenha muita sorte e seja muito feliz, possa mostrar na Bundesliga as capacidades que o seu talento perpectivava, mas de Dragão ao peito tardava em confirmar-se.
Podia-se destacar a saída de Gonçalo Paciência de muitas formas, mas chiqueiro que se preze, no que toca ao F.C.Porto, aborda e destaca sempre da forma mais fácil para polemizar.

Róger Guedes:
Róger Guedes, jovem brasileiro de 21 anos, pertencente ao Palmeiras e Criciúma e que jogava emprestado no Atlético Mineiro, era, segundo li na comunicação social, alvo do F.C.Porto, que estava disposto a pagar 9 milhões para o ter de Dragão ao peito, vai para a China. Quando um jogador ainda no início da carreira troca o futebol europeu, o melhor futebol do mundo - como o mundial tem provado de forma inequívoca -, onde estão os maiores e mais importantes clubes, prefere jogar no campeonato chinês em vez da Champions League, prova que pelo prestígio e importância todos os grandes jogadores querem jogar, apenas por vai ganhar mais dinheiro - mesmo que muito mais -, não há nada a fazer, mas diz muito sobre o perfil de Róger Guedes. Sim, porque por mais que o dinheiro seja importante, segundo consta, porque não o conheço, estamos a falar de alguém que tem talento e promete. Por isso, podia sempre dizer não, nem que isso significasse continuar no campeonato brasileiro e esperar.

Héctor Miguel Herrera:
Quando corre por aí, sem que ninguém apareça a dizer qualquer coisa, que Sérgio Conceição quer muito a continuidade de Héctor Miguel Herrera, tanto que o mexicano mesmo que não renove, cumpre o contrato até ao fim e pode sair a custo zero, como aconteceu com Reyes e Marcano - sobre isso já dei a minha opinião aqui -, é natural que comecem a surgir notícias do interesse do Real, Barça, Milan, Roma, Arsenal, as condições para uma possível renovação se tornem muito difíceis... mesmo que estejamos na silly season, muitas dessas notícias sejam totalmente falsas.
É mais um exemplo do que é o futebol... o patinho feio tornou-se o mais indispensáveis dos cisnes e é mais um exemplo de que este futebol é um futebol que cada vez mais me custa alimentar.
Sim porque eu sou do tempo em que o F.C.Porto não ficava refém de nenhum jogador ou treinador, por muito importantes que fossem e alguns... foram e de que maneira! Tão importantes que marcaram épocas e fizeram história.


Até quando a escumalha do chiqueiro da queimada vai continuar a confundir, perturbar e provocar à vontade?


Enquanto em relação ao SLB a escumalha do chiqueiro da queimada, procura sempre apresentar um mundo maravilhoso, mesmo que seja à custa de mentiras, especulações, omissões, faltas de ética e deontologia, no que toca ao F.C.Porto o modus operandi é exactamente ao contrário. Apresentam sempre destaques para perturbar, confundir, dividir, nem que para isso seja preciso mentir ou dizer meias verdades, inventar as mais tenebrosas teorias da conspiração.
Hoje, o destaque do chiqueiro, é: "Marega falhou o regresso. Avançado não esteve no Olival e pode estar de saída." Isto não é verdade, não é jornalismo, isto é mais uma provocação e a pergunta que se coloca, novamente, é: até quando vai o F.C.Porto pactuar com estas constantes nojeiras? Até quando os Casanova desta vida vão continuar a dizer estas coisas sem que o clube, preto no branco e dando nome aos bois, os coloca no devido lugar?

Tenho noção que este futebol é muito diferente do futebol que eu aprendi a gostar e tenho feito esforços para me adaptar, tanto que já por várias vezes aqui disse: mais que juras de amor, beijos no emblema, manifestações de portismo desde pequenino, etc., só quero bons profissionais, gente que enquanto estiver ao serviço do meu clube, dê o máximo, tenha respeito pela Instituição e pelos seus fiéis e dedicados adeptos. Mas e digo-o com tristeza, nos últimos anos e a cada ano que passa, parece que fica pior, há uma única coisa que conta: a pasta. E, meus caros amigos, para mim é cada vez mais claro, assim não há paixão que resista.

Nota final:
A ainda a propósito, Bruno Fernandes é um exemplo paradigmático, o meu modelo a seguir. Noites mal dormidas, suores frios, tremuras, dores de cabeça, falta de apetite para comer, mas não só, tudo isso pode ser ultrapassado por respeito ao contrato e pela vontade de servir o Sporting. Sim, mesmo que tivesse quem lhe desse muita pasta, até quem estivesse disponível para pagar os 100 milhões da cláusula, em caso de não lhe ser dada razão na rescisão. Por isso, faz todo o sentido que tenha sido apresentado no estádio, trocado umas bolas com Sousa Cintra, passe a ser um dos novos capitães.
São este s jogadores que o F.C.Porto tem de formar, é com estes jogadores que se conquista a glória e títulos para além do sonho.

PS - Já renovei o Lugar Anual...

Herrera não é Reyes nem Marcano...


Declaração de interesses:
Gosto muito de Hector Miguel Herrera, do jogador, do homem, do profissional, não agora que acaba de fazer uma grande época e ter sido muito importante na conquista do título, mas desde a 1ª hora que chegou ao F.C.Porto... Obviamente, porque é verdade, apesar de às vezes as suas desconcentrações e displicências me irritarem bastante. Por isso gostaria muito que continuasse de Dragão ao peito por muitos anos. Mas...

Feita a declaração de interesses e porque tenho lido e ouvido muita coisa sobre o actual capitão do F.C.Porto, particularmente, mais ou menos isto: Herrera, se não renovar e não aparecer ninguém a bater os 40 milhões da cláusula, fica no F.C.Porto, continua a ser utilizado, até pode sair a custo zero como aconteceu com Reyes e Marcano. Discordo em absoluto! Herrera não é Reyes nem Marcano. Os dois que saíram a custo zero não tinham grande mercado, clubes que oferecessem ao F.C.Porto uma verba que compensasse a perda desportiva, especialmente em relação ao defesa central espanhol. Portanto, se for verdade que aquilo que quer Herrera está bastante acima das actuais possibilidades do F.C.Porto e não há possibilidades de renovar-lhe o contrato; se for verdade que há propostas acima dos 20 milhões - até ouvi que há uma do Olympique de Lyon no valor de 25 milhões -, então... good vai que eu good fico, venda-se o Herrera. Digo isto porque o F.C.Porto é demasiado grande para que qualquer pulga tenha catarro, por mais respeito que tenha e tenho, pelo mexicano. O que digo em relação ao Herrera serve para todos...

Nota final:
Sei que nos dias que correm controlar a informação é muito difícil, não podemos andar a comentar e a desmentir tudo que vem na comunicação social sobre entradas e saídas de jogadores. Mas há momentos em que uma palavra pode ser importante para acabar com especulações, para evitar que fabriquem e alimentem novelas intermináveis e que depois se viram contra nós.

Vou continuar na Ilha...



Como não conheço os últimos jogadores que ingressaram no F.C.Porto, Janko e Ewerton - sobre João Pedro já falei na altura devida - e o futebol já me ensinou que antes de fazer análises, criticar, devemos esperar para ver; não vou dar para peditórios de vem este, mas para quê, devia vir aquele, precisamos do Quim, mas contratamos o Manel. Também porque esta é altura dos que fora e dentro da comunicação social sabem tudo, até quanto quer o Herrera para renovar com o F.C.Porto - alguns, curiosamente, mesmo sabendo tudo, na altura nunca souberam que Lopetegui já estava contratado e até já tinha ido ao Dragão várias vezes; vou continuando pela Ilha, rindo muito e lá mais para a frente falamos. Sim, porque até ao final de Agosto ainda muita água vai passar por baixo das pontes; nunca fomos os campeões do defeso; e quem tem de tratar dessas coisas deve saber o que está a fazer...
Assim, vão-se entretendo com o Miguel Sousa Tavares... O que terá ele visto do Chidozie que eu não vi?

Também faltou Eusébio no Mundial da Rússia


Agora que a selecção está de regresso, recordo uma peça no chiqueiro da queimada sobre a importância de Eusébio na conquista do Euro 2016. Utilizando o mesmo raciocínio daquela náusea não aconselhável a estômagos mais sensíveis, será que faltou Eusébio no mundial da Rússia?

Na ausência do dono do tasco, Mike e Melga abusam da pinga e não poupam o anjinho


- Melga, quantas vezes foi o F.C.Porto vítima de denúncias anónimas nos últimos tempos? E quantas buscas foram realizadas no Dragão?

- Mike, não sei, foram muitas as denúncias, mas buscas não me lembro de nenhuma.

- Melga, então o Vieira tem razão, o SLB está a ser perseguido.

- Mike, não será porque no clube do regime há lura de onde possa sair coelho?

- Melga, não quererás dizer, lura de onde possa sair carroceiro?

- Mike, cuidado, não abuses, o homem tem família e netos.

- Ai sim, Melga, mas quando se diz, por exemplo, um ladrão não deixa de ser ladrão porque visita o Papa; Pinto da Costa? É o estrebuchar do morto; ou na BTV se diz, não liguem a Pinto da Costa, ele tem aquela cabeça cheia de Viagra; ou, Pinto da Costa devia ir fazer companhia a Pôncio Monteiro, será que o presidente do F.C.Porto não tem família e netos? E, Melga, podíamos ir muito mais longe, falar dos insultos nos tweets para os amigos em que apelidam o F.C.Porto de associação criminosa; dos programas diários na BTV a passar escutas ilegais e que eram um sistemático fartar vilanagem; as invenções sobre listas inexistentes só para nos denegrir e achincaljhar, etc., etc., tantas e tantas coisas que deviam levar o presidente do Benfica a ter recato e vergonha na cara. Mas isso, sabemos nós, é coisa que ele não tem. E como conta com uma comunicação social de cócoras e a funcionar como uma lavandaria, - ouviste a pergunta da Bola Tv? Que escarro! A única que se atreveu a fazer uma pergunta com sentido foi a jornalista da SIC... -, ele coloca aquela postura de estadista de pacotilha, diz as barbaridades que quer, fala para o pior do benfiquismo.

- Mike, disse o anjinho que houve lances suspeitos no campeonato, falou num guarda-redes que ofereceu um golo, mas nunca criou um clima de suspeição, colocou a idoineidade de nenhum jogador em causa.

- Melga, essa é uma grande piada. Sim, porque todos nos lembramos da queixa anónima contra Vagner, guarda-redes do Boavista, como nos lembramos de sucessivas queixas anónimas antes e depois de jogos do F.C.Porto. Será que Vieira terá ouvido aquilo que ninguém ouviu: Pinto da Costa a colocar em causa jogadores que falharam contra o SLB? Será que as queixas anónimas a Norte têm todas origem no F.C.Porto, mas a Sul, o clube do regime nunca tem nada a ver com o assunto?

- Mike, olha outra estrondosa e que é um verdadeiro espanto. Disse o anjinho que basta olhar para os plantéis do Benfica para concluir que são fortes, não precisam de aliciar ninguém.

- Melga, ahahahahah!, de facto, essa é de compêndio. O F.C.Porto mais colocado em causa pelo SLB e prostitutos ao seu serviço, foi apenas vencedor da Taça UEFA e Champions League, tinha Baía, Ricardo Carvalho, Deco, Jorge Costa, Derlei, etc. e agora que ninguém se atreva a questionar os méritos de quem em seis jogos tem seis derrotas na Champions? E ver Vieira a dizer que uma mentira muitas vezes repetida não passa a verdade, é a suprema das ironias... Pena que ninguém tenha perguntado ao presidente do Benfica, quantos foram os jogadores que o seu clube contratou em Portugal e nunca chegaram a jogar oficialmente pelo SLB. Teríamos dados muitos curiosos...

- Olha, Mike, no meio daquela conversa de chacha, para enganar tolos que querem ser enganados, acho que ele só disse uma verdade: foi tetracampeão e nunca deu uma entrevista.

- É verdade, Melga, mas quem não deve ter gostado nada disso foi o freteiro com calo no cu como o macaco, Delgado.

- Porquê, Mike? Porque viu confirmada a teoria que as famosas entrevistas de Ano Novo que Vieira dava ao chiqueiro, foram dadas pelo Galamba.

- Melga, sobre o freteiro, disse-me o Vila Pouca, quando me pediu para passar pelo tasco para ver se estava tudo bem, que lhe enviou um e-mail a perguntar, quantas buscas na Luz eram necessárias para ele dar um duque ao Vieira?

- Oh, Mike, o VP é de bom tempo... nunca na vida aquele vendilhão faria uma coisa dessas. Mas ele só te disse isso?

- Não, disse também que se tem fartado de rir com as notícias sobre entradas e saídas no F.C.Porto, em particular com as que têm origem no chiqueiro.

Já é conhecido o final da telenovela leonina

Haja paciência e pachorra para esta ERC sem pudor e vergonha na cara


A ERC, cega, surda, muda, desaparecida em combate sobre programas e órgãos de comunicação social onde a ética, deontologia, respeito pelo rigor, equilíbrio, equidistância e isenção é constantemente violada e que nunca tomou qualquer decisão a condenar alguns programas onde quase se chega a vias de facto, tomou as dores do Benfica e censurou com veemência o Porto Canal por colocar a nu comportamentos e práticas do SLB cuja justiça investiga e onde já existem arguidos e indiciados por crimes de corrupção activa e passiva, ligados ao clube da Luz.
Haja paciência e pachorra para a falta de pudor e vergonha na cara desta ERC que apareceu agora a dar prova de vida com uma decisão absolutamente lamentável.

- Copyright © Dragão até à morte. F.C.Porto, o melhor clube português- Edited by andreset