Populares Mês

quarta-feira, 27 de dezembro de 2017


Como já disse muitas vezes - a net está aí, não deixa mentir nem perdoa a quem mente e não gosto de ser apanhado em falso -, quando o Benfica está na berlinda pelas piores razões, como é o caso, lá vem o coro das carpideiras pedir recato, clamar contra a violência das palavras e contra a agressividade, o clima de ódio, falar na necessidade de valorizar o produto e a indústria do futebol. Agora foi o Secretário de Estado do Desporto, João Paulo Rebelo, que em entrevista à RR, colocou as vestes de governante e atirou: "Não há no meu quotidiano com quem fale que não reconheça que, efectivamente, hoje, as coisas estão para lá do que seria desejável, do ponto de vista de um discurso inflamado que nada tem que ver com o desporto e com os valores do desporto. Competitividade é uma coisa, outra coisa é agressividade e partirmos para discursos que incitam atitudes menos compaginadas com o que são os valores do desporto" e mostrou-se disponível para tentar apaziguar.
Será caso para perguntar: com quem anda a falar o Secretário de Estado do Desporto? Mas não estarei enganado se disser que é com aqueles que têm como princípio: no Benfica não se toca nem com uma luva de pelica, mesmo quando estamos perante alguns dos maiores escândalos da história do futebol português. Deve andar a falar, por exemplo, com o director, entre aspas, de A Bola, Vítor Serpa, um cobarde sem vergonha, alguém que dá palanque, estende e estendeu a passadeira para os maiores e mais miseráveis ataques contra o F.C.Porto, mas que agora, quando o SLB tem as piores das práticas, ultrapassou todos os limites, encolhe-se, omite, branqueia, vai mais longe, diz que o futebol português se tornou numa tasca. Serpa que acha se chegou a um ponto, que ele já adivinhava, íamos chegar, em que muito pouca gente percebe o que se está a passar no caso dos e-mails.
Pois, somos todos néscios, uns totós incapazes de de perceber o que se está a passar, mesmo que o óbvio nos entre pelos olhos dentro. E o que é o óbvio? O Benfica montou, em seu benefício, uma rede tentacular em todas as instâncias do futebol português, mas não só, recorrendo aos piores métodos, métodos que pedem meças às piores práticas da PIDE ou da Mafia.
- Senhor Secretário de Estado, vamos imaginar que daqui para a frente, em nome de um futebol mais saudável, menos conflituoso, mais protagonismo a jogadores, treinadores, tácticas, estratégias, jogadas e golos bonitos, etc., os três chamados grandes, assinavam um pacto, não de silêncio, mas de respeito pelo futebol jogado, evitando o futebol falado através de uma linguagem excessiva e que no final da época o F.C.Porto era campeão. Acha que o Benfica de Luís Filipe Vieira e todo o seu exército de cartilheiros, freteiros e recadeiros e afins, iam aceitar com fair-play essa vitória, reconhecer o mérito e dar os parabéns ao campeão?
O senhor Secretário de Estado conhece a história do futebol português? Sabe quem foi o clube que num passado recente, mais e mais violentos ataques fez contra arbitragem? Quem foi o primeiro director de comunicação a fazer os mais rasteiros e ordinários ataques contra outro clube? Em que canal de clube se passa(va) a vida a insultar, provocar, denegrir e achincalhar os rivais, ao mesmo tempo que diariamente se viola(va) a lei? Acredita que seja possível a um clube assim e que no passado, mesmo perante as evidências, foi incapaz de reconhecer as virtudes e o mérito de um F.C.Porto vencedor da Taça UEFA e da Champions League, alguma vez vai mudar, perceber que a grandeza não se apregoa, pratica-se?
Senhor Secretário de Estado, o Benfica é o maior clube português, por isso tem responsabilidades acrescidas, mas este Benfica de Luís Filipe Vieira, não percebe isso, acha que ser o mais maior, melhor, grande, utilizando o estilo Vieira, lhes dá, não maiores responsabilidades, mas direitos especiais, todos têm de se curvar, estender a passadeira, prestar vassalagem aos grandes senhores. Este Benfica é a cara do seu presidente: bronco, carroceiro, populista e usa métodos mafiosos. Nunca vai mudar.
Portanto, senhor Secretário de Estado do Desporto, mesmo que com esta gente a mudança me pareça impossível, tente, mas tente a sério e se quer um futebol diferente e melhor, deixe-se de conversa fiada, para agradar à maioria e comece por ter coragem de colocar o SLB no seu lugar. Comece por exigir-lhe que esteja à altura das suas responsabilidades, que cumpra a lei, que deixe a arrogância de lado, perceba que ser o maior clube português não lhe dá privilégios especiais, muito menos o direito de se julgar acima da lei, pisar tudo e todos, o direito divino de vencer sempre. E mais, comece também por exigir que a comunicação social cumpra o seu dever de rigor, isenção, equilíbrio e equidistância, tenha ética, não trate um como filho e os outros como enteados, não omita, branqueie ou extrapole ao sabor das conveniências de um e contra os outros.
Caso contrário, como há quem não se vergue, resista, as coisas vão continuar na mesma, apertar e tentar calar só vai piorar.

Benfica acusa F.C.Porto de "Mentalidade de gangue de favela":
Adeptos do Benfica invadem o autocarro da equipa de Hóquei em Patins do F.C.Porto e agridem à bastonada alguns jogadores, tendo Filipe Santos, capitão dos Dragões, ficado gravemente ferido e corrido perigo de vida.

Autocarro de uma das claques do F.C.Porto, incendiado por adeptos do SLB, em Lisboa, quando foram acompanhar uma das equipas do seu clube que jogava no pavilhão da Luz.

Um dirigente do SLB e ex-motorista de Luís Filipe Vieira, com gabinete no estádio da Luz, entrada pela Porta 18, acusado e preso por tráfico de droga.

Arsenal de armas apreendido a sócios organizados do SLB - foto ao lado e notícia aqui.

Apelos às armas contra adeptos do F.C.Porto e desejos de morte ao presidente Jorge Nuno Pinto da Costa, tudo na BTV.

Dois adeptos do Sporting assassinados por membros das claques no Benfica.

Mentalidade de gangue de favela? Pior, não só mentalidade, como práticas de gangue de favela. Portanto, completamente de acordo. Sem dúvida, um retrato perfeito que o SLB fez de si próprio no twitter para os amigos.

- Copyright © Dragão até à morte. F.C.Porto, o melhor clube português- Edited by andreset